Ex-secretário de Governo diz que não faz politica com o “bolso”

Percebendo uma dose de veneno e uma frase direcionada a ele, quando o secretário de Educação, Caio Castro, no final de sua entrevista, disse que não se deve fazer politica com o fígado, o ex-secretário de Governo, Juscélio Carmo, em contato com o Alagoinhas Hoje, afirmou que suas intervenções políticas não são feitas com o órgão, que segundo o folclore, guarda a raiva.

“Não faço política com o fígado e muito menos  com o bolso”, pontou Juscélio, sem querer explicar o que queria dizer ao se referir a este “órgão” sensível (o bolso) de alguns seres humanos.

Ele disse ao editor do site, como já havia afirmado na 93 FM, que o secretário não foi convincente e capaz de explicar as razões objetivas do decreto de utilidade pública de imóvel pertencente a um detentor de cargo de confiança na administração municipal.

 

 

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje