PF faz ação na casa de Geddel após apreensão de R$ 51 mi em apartamento

Agentes da Polícia Federal estão na casa do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) na manhã desta sexta-feira, 8. Sete policiais chegaram no condomínio Pedra do Valle, que fica na rua Plínio Moscoso, no Jardim Apipema, e abordaram um vendedor ambulante que estava na rua. Ele foi convidado a acompanhar a ação no apartamento do peemedebista.

Os policiais entraram sem falar com a imprensa e não há informações sobre o que motivou a ação desta manhã. Nesta quinta, o jornal O Globo divulgou que a Polícia Federal encontrou indícios de risco de fuga após a apreensão de R$ 51 milhões em um apartamento que seria ligado a Geddel.

De acordo com a PF, foram encontradas digitais do ex-ministro nas caixas e malas que guardavam a fortuna dentro do imóvel. Além disso, o empresário Sílvio Silveira, proprietário do apartamento, confirmou que emprestou o local para Geddel. Em depoimento na PF, ele disse que achava que o político iria guardar objetos do seu pai, que faleceu recentemente.

A origem do dinheiro é desconhecida, mas a PF desconfia que seja oriundo de pagamento de propina. Essa foi a maior apreensão de dinheiro em espécie feita pela PF.

Geddel cumpre prisão domiciliar em Salvador. Ele foi preso em julho durante a Operação Cui Bono, que investiga fraude na Caixa Econômica Federal no período que o político baiano era vice-presidente de Pessoa Jurídica da instituição entre 2011 e 2013.

 

Fonte: A Tarde

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje