TSE não permite doações eleitorais por ‘vaquinhas’ na internet

eleição

As populares “vaquinhas” na internet estão proibidas nas campanhas eleitorais. Em resposta a uma consulta feita pelos deputados Alessandro Molon (Rede-RJ) e Daniel Coelho (PSDB-PE), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu que não podem ser feitas doações eleitorais por aplicativos de celular ou outros mecanismos de crowdfunding (financiamento coletivo), segundo informações de O Globo.

Será permitida apenas doação através do site do candidato, partido ou coligação. Relatora do tema, a ministra Maria Thereza de Assis Moura lembrou que o debate já havia ocorrido em 2014 e que, como não ocorreu mudança na legislação, não havia motivo para o tribunal permitir tal tipo de arrecadação. “Nossa legislação não permite, o que não impede de se buscar isso para eleições futuras”, disse o ministro Henrique Neves.

Fonte: bahia.ba

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje