Tribunal de Contas dos Municípios reprova concurso da Câmara de Alagoinhas

A 1ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios, em 2012, apreciou 74 concursos públicos e 44 processos seletivos realizados pelas Prefeituras e Câmaras de Vereadores, no total de 121 processos, entre os anos de 1993 e 2011, concluindo pela rejeição de 61 por não atenderem às exigências recomendadas pela legislação vigente, sendo 27 concursos públicos e 34 processos seletivos.
Dos processos considerados irregulares, 15 deles foram encaminhadas ao Ministério Público Estadual, sendo 11 concursos públicos e 04 processos seletivos. No total de rejeições (61), 48 foram de Prefeituras e 13 de Câmaras.
PREFEITURAS
Contendas do Sincorá, Cocos, Ubaíra, Cordeiros, Aporá, Dom Basílio, Caturama, Ibirapuã, Curaçá, Andorinha, Cícero Dantas, Itororó, Itapebi, Cabaceiras do Paraguaçu, Ibotirama, Camacã, Jacobina, Capim Grosso, Ibirapitanga, Brumado, Aporá, Conceição do Almeida, Brejolândia, Bom Jesus da Serra, Brumado, Glória, Ibirapuã, Baixa Grande, Castro Alves, Almadina, Caetité, Dom Basílio, Itabela, Camaçari, Itamaraju, Barro Alto, Adustina e Cruz das Almas. Algumas dessas Prefeituras tiveram mais de uma rejeição, como Dom Basílio, Cícero Dantas, Cabaceiras do Paraguaçu e Conceição do Almeida.
CÂMARAS DE VEREADORES
Dom Basílio, Guajeru, Itaparica, Boninal, Central, Itapebi, Brumado, Alagoinhas, Candeias, Campo Formoso e Feira de Santana, sendo que Brumado e Itapebi tiveram duas reprovações. Fonte: Assessoria de Comunicação do TCM

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje