Presidente do PDT de Alagoinhas afirma que o Brasil e a Bahia estão quebrados

O velho dinossauro da política de Alagoinhas, Fernando Aranha, presidente do PDT, afirmou no Programa Primeira Mão, da Rádio Nova AM, que o Brasil e a Bahia estão quebrados.

Ele criticou a fala da presidente da República, Dilma Rousseff, veiculada ontem à noite em rede nacional de TV, e disse que o conteúdo foi otimista demais e não reflete a realidade do Brasil.

Aranha ressaltou a importância das pré-candidaturas de Lídice da Mata ao governo da Bahia e de Eduardo Campos e Marina Silva à presidência do Brasil.

Parecendo mais um prócer da oposição, Aranha afirmou que a Bahia está quebrada, ou seja, ele chamou o governo Wagner de incompetente mesmo sem usar esta terminologia.

O que tem a dizer sobre isso o presidente do PDT estadual, Alexandre Brust?

A mesma pergunta pode ser endereçada ao deputado Marcelo Nilo.

É bom lembrar que o PDT faz parte da base dos governos Wagner e Dilma.

Estaria o presidente local em rota de colisão com a sigla?

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje