Estudantes da escola Irene Andrade paralisaram atividades na manhã de hoje

IRENE 1

Alunos da escola municipal Irene Andrade, situada nas proximidades da Hemovida, paralisaram suas atividades na manhã desta terça-feira para protestar contra as péssimas condições estruturais da unidade.

A escola não tem porteiro. Ofício  solicitando este profissional foi encaminhado ao secretário de Administração, Sandro Brito, mas até hoje a demanda continua aguardando providências para garantir a segurança dos estudantes.

Hanany Bittencourt, aluna da quinta série M2, afirmou ao Alagoinhas Hoje que faltam cadeiras escolares para os estudantes, serventes para manter a escola limpa, tampas dos vasos sanitários e fechaduras nas portas dos banheiros femininos.

IRENE 2

Gustavo Santos de Oliveira, também aluno da quinta série M2, disse que os bebedouros não possuem as  condições adequadas para a utilização dos alunos da escola Irene Andrade.

Com 600 alunos em dois turnos, a unidade municipal enfrenta outros problemas, a exemplo da merenda escolar, considerada de baixa qualidade pelos alunos que conversaram com o editor do Alagoinhas Hoje, vazamento de água na sala da oitava série.

A professora Railda dos Santos Sousa Silva, diretora da escola, salientou que não deu apoio ao movimentos dos alunos, mas confirmou  que as reivindicações dos alunos são pertinentes.

IRENE 4

 

IRENE 3

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje