Dispositivo desenvolvido pela Bahiafarma obtém registro da Anvisa

A Fundação Baiana de Pesquisa Científica e Desenvolvimento Tecnológico, Fornecimento e Distribuição de Medicamentos (Bahiafarma) obteve o registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a fabricação do teste rápido para diagnóstico de Hepatite B. Com a autorização, publicada no Diário Oficial da União, o laboratório público baiano passa a poder produzir e distribuir nacionalmente todos os dispositivos de diagnóstico rápido utilizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para detectar infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) , ressalvando que os testes de HIV, Sífilis e Hepatite C da Bahiafarma já haviam recebido registros anteriormente.

Chamado Teste Rápido HBsAg Bahiafarma, o dispositivo para diagnóstico de Hepatite B é o primeiro do gênero desenvolvido por um laboratório público brasileiro. Trata-se de um ensaio imunocromatográfico para a detecção rápida e qualitativa de antígenos de superfície do vírus causador da doença (HbsAg), como explica o o diretor-presidente da Bahiafarma, Ronaldo Dias. O teste, que fornece o resultado em até 20 minutos, utiliza pequena amostra sanguínea do paciente.

“Assim como ocorreu com os testes para diagnóstico de arboviroses que desenvolvemos ao longo dos últimos anos e hoje estão disponíveis para a população por meio do SUS, agora oferecemos uma solução completa para diagnóstico rápido de ISTs. A possibilidade de produção nacional desse tipo de insumo permite ao Ministério da Saúde ampliar, ainda mais, o alcance de suas políticas de identificação e controle das ISTs.”, afirma o gestor, ressaltando que, atualmente, a Bahiafarma é uma das referências nacionais em desenvolvimento de testes de diagnóstico e o principal fornecedor do Ministério da Saúde para esse tipo de insumo.

 

Fonte: Agência Brasil


Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje