Coligação Juntos Vamos Fazer Diferente ingressa na Justiça Eleitoral com pedido de impugnação de pesquisa realizada pela Eleva

A Coligação Juntos Vamos Fazer Diferente (PT, PSB, PCdoB, Pode e Rede) ingressou na Justiça Eleitoral, no início da noite desta segunda-feira (9), com pedido de impugnação de pesquisa realizada em Alagoinhas pela empresa Eleva Tecnologia e Comunicação Ltda, cuja publicação está prevista para quarta-feira (11). 

Os advogados da Coligação Juntos Vamos Fazer Diferente alegaram uma série de irregularidades metodológicas no plano amostral, a exemplo da não indicação da ponderação quanto à idade, ao gênero dos entrevistados, ao grau de instrução e ao nível econômico dos eleitores. 

Existem  razões objetivas para a impugnação da pesquisa da Eleva, como haviam para a impugnação da pesquisa da Potencial, negada pelo juiz eleitoral da 163ª Zona Eleitoral de Alagoinhas. 

A Potencial optou por retirar o plano amostral da base de dados do TSE e a pesquisa deixou de existir.

As irregularidades contidas no plano amostral da Eleva são mais relevantes e podem deformar o resultado da pesquisa.

Abaixo, arquivo em PDF com a representação dos advogados da Coligação Juntos Vamos Fazer Diferente.

PESQUISA ELEVA ALAGOINHAS

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje