Catu: escolas estão degradadas

FOTO CATU 5
Escola Arlindo Ribeiro está em péssimas condições

Após iniciar a fiscalização in loco das condições das escolas municipais, a Secretaria de Educação constatou a degradação de todas as 14 unidades visitadas na sede e nos distritos até a última sexta-feira.

Os problemas são idênticos: pisos destruídos, telhados necessitando de reforma, portas quebradas, janelas em péssimo estado de conservação, sanitários sem as mínimas condições de utilização e carteiras escolares precisando de reparos.

A administração anterior precisa informar quais escolas foram reformadas no início do ano passado, quanto foi investido e qual empresa venceu a licitação para realizar as obras, em função da situação crítica das unidades fiscalizadas pela Secretaria de Educação, que aparentemente, indica o quadro de total degradação da rede escolar.

As escolas Arlindo Ribeiro, situada no distrito de Paul Lavrado, e Maria Sá Barreto de Freitas, localizada no Fleming, são consideradas as duas piores unidades desta primeira etapa do levantamento das condições físicas dos “prédios” escolares.

Salas esburacadas, iluminação precária e infiltração nas paredes fazem parte da “paisagem” das duas escolas, que não têm condições de abrigar professores, funcionários e alunos.

FOTO CATU 6
Porta terá que ser substituída

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje