Cardeais chegam aos poucos em Roma para preparação de conclave

Os cardeais continuam a chegar em Roma para participar a partir desta segunda-feira das chamadas “congregações”, que vão preparar a eleição do 266º Papa em um conclave ainda sem data definida e em que nenhum nome parece como certo.

No sábado, 66 cardeais vindos do exterior já se encontravam em Roma.

Ao todo, 115 cardeais, de um total de 209, estão aptos para participar da eleição. Nem todos devem comparecer, alguns doentes ou com idade avançada já se desculparam pela ausência.

O Vaticano marcou para a manhã desta segunda-feira a primeira reunião para preparar o conclave.

Segundo a Santa Sé, a reunião começará às 9h30 locais (5h30 em Brasília), na Sala Nova do Sínodo, na Sala Paulo 6º, que é o local das audiências públicas do papa durante o inverno e nos dias de chuva.

ANGELUS

Neste domingo, pela primeira vez desde 3 de abril de 2005, o dia após a morte do papa João Paulo 2, não ocorreu a tradicional bênção do Angelus.

As janelas do apartamento papal com vista para a Praça de São Pedro estavam fechadas, o que é normalmente o caso somente quando um papa está fora de Roma e oferece a bênção dominical em outro lugar.

“É estranho, muito estranho vir a Roma, à praça de São Pedro e não ouvir a Angelus do papa, especialmente porque ele ainda está vivo –é uma situação única esta que estamos vivendo”, disse Fabio Ferrara, um dos poucos que estavam na praça ao meio-dia.

O Vaticano parece determinado a concluir a eleição até meados de março, a fim de que o novo papa possa ser instalado em seu gabinete antes do Domingo de Ramos, em 24 de março, e possa realizar os serviços da Semana Santa, culminando no domingo da Páscoa na semana seguinte.

Fonte: Folha de São Paulo

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje