Campos é estrela de propagandas do PSB com crítica velada a Dilma

Com crítica velada à presidente Dilma Rousseff, ataques a problemas de gestão do governo e slogan informal, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), dá início nesta quinta-feira (11) à sua estratégia mais explícita para se tornar mais conhecido nacionalmente.

Presidente nacional do PSB, Campos é cotado para disputar a Presidência em 2014 e será o protagonista solo das inserções do partido, que começam a ser exibidas a partir de amanhã.

Foram produzidas cinco inserções diferentes, de 30 segundos cada. Elas serão exibidas diariamente, em horário nobre, em rede nacional de TV e rádio. Elas foram apresentadas nesta quarta-feira pelo secretário nacional do do PSB, Carlos Siqueira.

O tom é eleitoral, no limite do permitido pela legislação. Em todas as inserções, Campos repete uma espécie de mantra: “É possível fazer mais”.

“Temos um país que nos estimula, pelas conquistas e vitórias que ajudamos a construir, mas dentro dele tem um país que nos pede para fazer muito mais”, afirma o potencial candidato à Presidência, em uma das inserções.

“É possível fazer mais, planejando, com a participação do povo, usando modernas ferramentas de gestão, dando um passo adiante”, afirma.

Fonte: Folha de São Paulo

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje