Brasil deve melhorar transporte para evitar nova "década perdida"

Um artigo publicado no jornal britânico Financial Times nesta segunda-feira afirma que o Brasil precisa lidar com problemas no setor de transporte e logística para evitar o risco de “condenar o país a uma década perdida em termos de crescimento econômico”.

O texto, intitulado “Bumpy Decade” (“Década de Solavancos”) e assinado pelo correspondente do jornal em São Paulo, Joe Leahy, diz que o governo federal está buscando resolver diversos entraves de infraestrutura, e cita os investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) – de R$ 1 trilhão – e as tentativas de leilões de concessões de estradas.

Segundo o Financial Times, apesar de todos os esforços, a parcela que os investimentos representam do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro ainda é inferior a de outros países de dimensões parecidas com as do Brasil. O jornalista diz que esse percentual é de 18,6%, mas deveria estar, no mínimo, em torno de 22%.

Os leilões de projetos de infraestrutura seriam importantes para ajudar o País a melhorar o seu índice de crescimento, mas eles não estariam tendo o desempenho esperado. “Algo não está funcionando aqui”, diz o artigo, citando a falta de interessados no leilão de concessão da BR-262, estrada que liga Minas Gerais ao Espírito Santo.

“Parte do motivo é a pouco habilidade do governo” em apresentar e divulgar o projeto. Leahy escreve que o Brasil tem pouco tempo para que suas iniciativas de infraestrutura decolem. “O Brasil vai praticamente parar no intervalo entre o Natal e o Carnaval, e depois novamente durante a Copa do Mundo em junho. Em seguida virão as eleições presidenciais de 2014”, afirma o jornal.

“Se os projetos forem adiados até 2015, eles não ficarão prontos antes de 2020, no melhor dos casos. Contando os últimos três anos de fraco progresso econômico, o Brasil arrisca ter uma década de baixo crescimento e, em uma época globalizada, uma década é muito tempo para se perder.”

Fonte: Terra

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje