Sem registro profissional, médicos estrangeiros não poderão atuar em postos de saúde de Alagoinhas – Exclusiva

Os médicos estrangeiros que atuariam a partir de hoje em Alagoinhas estão impedidos de trabalhar nos postos de saúde por falta do registro profissional provisório, que é concedido pelo Conselho Regional de Medicina da Bahia (CREMEB).

Sem a regularização, que é condição básica para o exercício profissional, eles terão que exercer funções de planejamento e não poderão ter qualquer contato com os pacientes dos postos para os quais seriam deslocados, até que a documentação exigida pelo conselho de classe seja aprovada.

Segundo Reginaldo Paiva, secretário municipal de Saúde, os médicos estarão em Alagoinhas no final da tarde de hoje e começarão a conhecer o funcionamento da secretaria.

Em ofício (leia abaixo), o Ministério da Saúde comunicou a impossibilidade, pelo menos por enquanto, dos médicos atuarem na atividade fim, ou seja, a realização de consultas.

OFÍCIO MINISTÉRIO DA SAÚDE SESAU ALAGOINHAS

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje