Banco do Brasil, Bradesco e Itaú são os mais rentáveis da América Latina e EUA

Os bancos brasileiros são os mais rentáveis da América Latina e Estados Unidos, segundo levantamento da consultoria Economatica divulgado nesta segunda-feira (26).

O Banco do Brasil lidera a lista, com rentabilidade sobre o patrimônio (ROE) de 24,82% nos últimos 12 meses até junho deste ano, seguido pelo Bradesco (17,59%) e Itaú Unibanco (16,83%).

Para o estudo, a Economatica considerou a relação entre rentabilidade e o patrimômio dos bancos com mais de US$ 100 bilhões em ativos totais em 2013.

Apenas 18 bancos da América Latina e dos EUA se encaixaram no perfil avaliado, 14 americanos e quatro brasileiros.

O Santander Brasil ficou na 14ª colocação no ranking, com rentabilidade sobre o patrimônio de 6,52%.

Entre os americanos, os melhores colocados foram o US Bancorp, o Wells Fargo e o Fifth Third Bancorp. Confira o ranking completo:

Banco País Ativos Totais*, em US$ bilhões Rentabilidade sobre o Patrimônio*, em %
Banco do Brasil Brasil 548,2 24,82
Bradesco Brasil 404,7 17,59
Itaú Unibanco Brasil 437,4 16,83
US Bancorp EUA 353,4 14,99
Wells Fargo EUA 1.440,6 13,34
Fifth Third Bancorp EUA 123,4 12,67
JP Morgan Chase EUA 2.439,5 12,19
Goldman Sachs Group EUA 938,5 11,39
State Street Corp EUA 227,3 10,94
Capital One Financial EUA 296,5 10,60
Suntrust Banks EUA 171,5 10,40
PNC Bank EUA 304,4 9,45
BB&T EUA 182,7 8,49
Santander Brasil Brasil 196,7 6,52
Bank of New York Mellon EUA 360,5 5,69
Citigroup EUA 1.883,9 5,08
Bank of America EUA 2.123,3 2,81
Morgan Stanley EUA 802,7 2,40

*Acumulado nos últimos 12 meses até junho de 2013

Apesar de ter a maior relação entre rentabilidade e patrimônio, o Banco do Brasil é o quinto colocado no ranking dos maiores lucros dos bancos da América Latina e dos Estados Unidos.

Foram considerados os lucros líquidos nominais, em dólares, dos bancos com mais de US$ 100 bilhões em ativos totais em 2013.

O americano JP Morgan Chase liderou essa lista, com lucro líquido de US$ 24,425 bilhões acumulado nos últimos 12 meses até junho deste ano. O Wells Fargo ficou na segunda colocação, com ganho de US$ 20,717 bilhões no mesmo período.

Com lucro líquido de US$ 7,115 bilhões, o Banco do Brasil ficou em 5º colocado, enquanto Itaú Unibanco ficou na 7ª posição, com ganho de US$ 5,928 bilhões, e o Bradesco, em 9º lugar, com US$ 5,206 bilhões.

O Santander Brasil ficou com a 12ª colocação no ranking, com lucro líquido de US$ 2,373 bilhões em 12 meses até junho.

 

Fonte: Folha de São Paulo

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje