Audiência do site revela que jornalismo não alinhado tem espaço em Alagoinhas – Maurílio Fontes

Nada mais emblemático do que comentar neste milésimo post do Alagoinhas Hoje os números da audiência quadrimestral do site, revelados ontem com base no relatório de tráfego do provedor em que ele está hospedado.

Mais do que meros números e somatórios matemáticos, que são importantes, sem dúvida, o relatório revela que a sociedade alagoinhense se interessa por veículos não alinhados e que não estão em consonância com os interesses do governo municipal na tentativa de falsear a realidade e criar artificialidades em troca de verbas publicitárias.

O Alagoinhas Hoje recusou “proposta de parceria” da administração municipal para ter liberdade editorial, valor inegociável para qualquer veículo de comunicação que tenha no interesse do leitor/ouvinte/telespectador o seu objetivo principal.

Ao contrário do que pensam e dizem os áulicos governamentais, o Alagoinhas Hoje não está na oposição, até porque não é partido político, associação de classe ou organização da sociedade civil.

Se o jornalismo autônomo  incomoda, paciência. Quando o governo reclama, é sinal que a sociedade está ganhando.

Com matérias exclusivas – a exemplo do financiamento da campanha do prefeito pela Itaipava, dos recursos auferidos pela empresa do secretário Sandro Brito, da multa da Justiça Eleitoral ao prefeito e ao vice, dentre tantas outras – o Alagoinhas Hoje se tornou fonte para a imprensa local e veículos de Salvador.

Cumpriu assim, e cumprirá nos meses vindouros, uma demanda de parte da sociedade alagoinhense por informações que não sejam maculadas pelo compromisso com quem está no poder e as possibilidades financeiras decorrentes da relação com a administração municipal.

É preciso separar possíveis amizades da prática do jornalismo. Separar critérios de noticiabilidade da acomodação e da zona de conforto.

O confronto é uma das bases do jornalismo porque estabelece contraditórios, tensiona, “descamufla” e oferece à sociedade aquilo que estaria encoberto pelas ações nada republicanas dos inquilinos do poder.

O Alagoinhas Hoje completará seis meses no final de Maio, mais precisamente no dia 26.

E já se tornou um veículo jornalisticamente e estatisticamente importante.

O reconhecimento revelado pelos números anima, mas impõe novas responsabilidades para os próximos seis meses.

O Alagoinhas Hoje quer melhorar a qualidade do trabalho, discutir temas caracterizados como impróprios e ampliar os acessos nos próximos meses.

Chegar ao milésimo post deu muito  trabalho.

Mas também grande alegria em razão da repercussão das matérias aqui publicadas.

Caro leitor, o Alagoinhas Hoje conta com você nesta nova etapa.

 

 

 

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje