Segurança e tranquilidade no primeiro dia do julgamento da médica Kátia Vargas

O planejamento e o cuidado com todos os interessados na sessão de julgamento da médica Kátia Vargas Leal Pereira explicam o bom andamento dos trabalhos nesta terça-feira (5), no Salão do Júri do Fórum Ruy Barbosa.

Conduzida pela titular do 1° Juízo da 1ª Vara do Júri, juíza Gelzi Maria Almeida Souza, a sessão teve início às 9h40 após a entrada do público, que lotou o salão do júri.

Um esquema especial garante a manutenção da ordem, sempre visando à integridade dos jurados.

Foram distribuídas senhas para as famílias das vítimas e da acusada, para a Acusação e Defesa, advogados e imprensa.

Também com o objetivo de manter a segurança, a juíza Gelzi Maria Almeida Souza determinou que fosse proibida a manifestação do público durante o julgamento. Não é permitido o uso de camisas e cartazes nem a gravação de imagens e áudios.

Durante os preparativos, houve reuniões com a Assistência Militar da Presidência do Tribunal de Justiça da Bahia e Assessoria de Comunicação. Na quarta-feira, 29 de dezembro, sete dias antes do julgamento, a juíza recebeu os jornalistas para explicar o funcionamento de uma sessão do júri.

 

Fonte: Ascom TJBA /Foto: Nei Pinto

 

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje