Secretário de Saúde de Alagoinhas confirma interesse na terceirização da gestão da Maternidade – Exclusiva

Em conversa telefônica com o editor do Alagoinhas Hoje, o secretário municipal de Saúde, Reginaldo Paiva, confirmou o interesse da administração em terceirizar a gestão da Maternidade.

Ele afirmou que o objetivo da terceirização, cuja proposta foi apresentada pelo governo aos vereadores da base aliada em café da manhã realizado ontem, na Pousada Alagoinhas, é melhorar a eficiência da prestação de serviço à população.

O secretário confirmou também que o custeio da unidade de saúde exige recursos de aproximadamente R$1 milhão por mês.

Paiva salientou que o governo do estado possui vários hospitais terceirizados. “Nosso interesse é melhorar a eficiência da gestão, com os mesmos recursos, e consequentemente qualificar o atendimento às parturientes e aos recém nascidos”, registrou.

A manutenção dos empregos dos atuais funcionários, de acordo com o secretário, será uma das condicionantes impostas pela Prefeitura de Alagoinhas à empresa que fará a gestão da unidade de saúde.

O governo quer aprovar o projeto nos próximos dias e, a partir da concessão da autorização legislativa, pretende começar os trâmites necessários para transferir a gestão da Maternidade Municipal à iniciativa privada.

Com maioria na Câmara de Vereadores, a administração municipal, apesar do debate que o caso ensejará, não enfrentará obstáculos para obter a autorização legislativa visando implantar o novo modelo de gestão da Maternidade de Alagoinhas.

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje