Rui rebate Neto sobre ponte, e afirma que nova rodoviária cabe à Justiça

O governador Rui Costa (PT) colocou panos quentes nas declarações do prefeito ACM Neto (DEM) sobre a construção da Ponte Salvador-Itaparica e da nova rodoviária da capital baiana. Questionado sobre uma possível ausência de diálogo entre o governo e a prefeitura, em relação à implantação do equipamento que fará a ligação para a ilha, Rui optou por destacar a importância da obra.

“Quando o governo mandará construir a ponte no Mar Grande”, esse era o título de uma matéria [de 1913]. Há 106 anos que existe uma demanda, um desejo para Salvador se encontrar através do mar, unindo nossa capital, através do Recôncavo, ao Baixo Sul. Um sonho de 106 anos que, com certeza, os baianos estão comemorando. Esse é um passo importante em direção a geração de emprego e a integração das regiões de nosso estado. Não tem polêmica alguma, vamos seguir trabalhando” ressaltou Rui Costa.

Em relação à construção da nova rodoviária, que, segundo ACM Neto, está tentando ser construída em um terreno da prefeitura e sem autorização, o governador disse que não cabe ao estado definir quem são os proprietários das áreas a serem desapropriada.

“Quem diz quem é o proprietário é o cartório, o fórum e a Justiça. Não nos cabe debatermos isso. O que queremos é melhorar a vida das pessoas ao construirmos a nova rodoviária. Saber para quem vai o dinheiro da desapropriação não nos interessa. O que me interessa é debater o projeto da nova rodoviária, da expansão urbana, debater coisas boas. O debate de propriedade da terra fica à cargo da Justiça”, afirmou.

 

Fonte: A Tarde

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje