Prefeito de Aramari é acusado por sobrinha e afilhada de tentativa de estupro

O prefeito de Aramari, José Carlos Alves do Nascimento (PDT), está sendo acusado por uma mulher de 30 anos, que é sua sobrinha e afilhada, cujo nome o Alagoinhas Hoje mantém em sigilo, de tentativa de estupro, que teria ocorrido às 14 horas da última quarta-feira, dia 2, na Secretaria Municipal de Agricultura, onde ela  exerce cargo de confiança.

A queixa foi registrada na Delegacia Regional de Alagoinhas e a autoridade platonista determinou a instauração do inquérito na Delegacia de Aramari.

O prefeito nega a acusação.

Segundo Irineu Pereira, cunhado da denunciante e  presidente do Partido dos Trabalhadores no município, o prefeito alega que a queixa tem conotações políticas, mas a situação nada tem a ver com disputas partidárias. “O fato é verídico e minha cunhada, que é sobrinha e afilhada do prefeito, não se exporia desta forma se não tivesse sido vítima de tentativa de estupro”, afirmou Irineu ao editor do Alagoinhas Hoje.

Na semana passada, por duas vezes, o editor do site tentou falar com a mulher, mas a família alegou que ela estava bastante abalada, chorando muito e com receio de represálias em função da atitude de tornar pública a tentativa de estupro.

A mulher prestou depoimento na delegacia de Aramari e Irineu também será ouvido.

Amanhã, em entrevista que concederá ao programa Primeira Mão, da rádio Nova AM, Irineu tratará da questão e confirmará a tentativa de estupro.

O jornalista Levi Vasconcelos, editor da coluna Tempo Presente, veiculada no jornal A Tarde, provavelmente registrará o fato amanhã, após conversar com Irineu Pereira no início da noite desta quarta-feira.

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje