Permanência da Justiça Federal em Alagoinhas: uma conquista de todos

O que parecia impossível – a permanência da Justiça Federal em Alagoinhas – deverá se tornar realidade na próxima quinta-feira (10), quando a corregedora do Tribunal Regional Federal (TRF1), Maria do Carmo Cardoso, apresentará parecer sobre a permanência ou extinção da Vara Federal.

A expectativa é positiva e o parecer da corregedora deverá ser favorável à manutenção.

Em audiência na tarde desta terça-feira (8), articulada pelo deputado federal Paulo Azi, com as presenças dos vereadores Roberto Torres, Anderson Baqueiro e Luciano Almeida e dos advogados Paulo Pinto, ex-presidente da subseção da OAB de Alagoinhas, Thaís Borges, atual presidente da subseção da OAB, foram apresentados à corregedora argumentos técnicos que reforçaram a necessidade da permanência da Justiça Federal em Alagoinhas.

O deputado federal Paulo Azi, em contato com editor do site Alagoinhas Hoje, salientou a importância das informações técnicas para o convencimento da corregedora do TRF1.

Segundo Paulo Azi, foi firmado um compromisso com a corregedora no sentido de se viabilizar a construção da nova sede da Justiça Federal por meio de investimento de privado, com a garantia de aluguel do imóvel por 20 anos. “É um novo modelo, que será bom para a Justiça Federal e o investidor ou investidores”, salientou o parlamentar. 

Ele disse ainda que na conversa desta terça-feira foi ventilada a possibilidade de uma nova vara da Justiça Federal em Alagoinhas. “Ao invés da extinção, temos expectativa da ampliação dos serviços prestados pela Justiça Federal”, pontuou o deputado. 

A audiência aconteceu em Brasília. 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje