Pequenos agricultores prestigiam inauguração simbólica de 2.522 cisternas em Inhambupe

CISTERNAS INHAMBUPE 1

A felicidade com que o agricultor José de Souza, da localidade de Lagoa Branca, comemorou a entrega de 532 cisternas de placas no município de Inhambupe, nesta quinta-feira (dia 3) resumiu o sentimento das 2.522 famílias que foram contempladas com a implantação de cisternas de placa de concreto e de polietileno também nos municípios de Boninal, Carinhanha, Filadélfia, Itaguaçu da Bahia, Sítio do Mato e Xique-Xique.

“Agora tá bom demais, temos água doce na porta de casa. Antes tínhamos que andar cinco quilômetros por dia para pegar água, muitas vezes salobra e de qualidade ruim”, disse o agricultor, que mora com a mulher, dois filhos e um neto. Dona Judite Magalhães de Jesus, que mora com um filho e um neto, disse que já chegou a ficar seis meses sem água em casa. “Era muito sofrimento, a gente tinha que buscar água na cabeça, e muito longe. Mas agora tá bom porque a gente tem as cisternas”, festejou.

CISTERNAS INHAMBUPE 2A inauguração simbólica das cisternas foi feita pelo presidente da Fundação Nacional da Saúde, Henrique Pires, e pela superintendente da Funasa na Bahia, Glenda Melo, com as presenças de dezenas de beneficiados, os deputados petistas Josias Gomes, Fátima Nunes e Joseildo Ramos, os prefeitos de Inhambupe, Benoni Leys, de Boninal, Vitor Paiva, além de vereadores e secretários municipais.

O presidente da Funasa, Henrique Pires, ressaltou que o ideal seria implantar nas comunidades sistemas de abastecimento de água ou chafarizes próximos das casas, mas quando não há condições de se fazer uma captação fácil de água a cisterna é a solução possível. “O governo federal já investiu R$ 38 bilhões em saneamento em todo o país e hoje 98% das comunidades brasileiras são abastecidas com água”, revelou.

O prefeito Benoni salientou a tradição de Inhambupe no tocante a construção de cisternas, revelando que além das 532 entregues pela Funasa o município já contava com 1.018 unidades implantadas pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais em várias localidades. Ele destacou a importância de se furar uma quantidade maior de poços artesianos, além dos mais de 50 já existentes, a fim de suprir as necessidades agrícolas do município que é muito extenso e essencialmente rural.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Inhambupe – Fotos: ASCOM

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje