Onde está a Universidade Federal do Nordeste da Bahia? – Maurílio Fontes

PROJETO UFNB 1

Na última segunda-feira (9), a ainda presidente Dilma Rousseff assinou projeto de lei propondo a criação de cinco universidades federais – as de Catalão e Jataí, em Goiás, a do Delta do Parnaíba, no município de Parnaíba (PI), a do Norte do Tocantins, em Araguaína (TO), a de Rondonópolis, no estado de Mato Grosso.

Mesmo que o projeto não avance, por razões óbvias, é impossível não notar que a Universidade Federal do Nordeste da Bahia (UFNB) foi esquecida pelo governo federal e certamente nos próximos anos o assunto estará “guardado” em uma gaveta do Ministério da Educação (e Cultura).

O governo de Dilma Rousseff não deu importância à grande mobilização em prol da criação da UFNB, que se instituída, supriria demandas de um grande espaço geográfico baiano, com mais de 1 milhão de habitantes, sem cobertura de universidade federal. 

Alagoinhas, por ser a cidade mais importante do território a ser abrangido pela universidade, poderia abrigar a reitoria da universidade, algo muito representativo em termos simbólicos para a cidade, que se tornaria centro de produção de conhecimento.

Outro aspecto nada desprezível: uma universidade tem o condão de movimentar a economia, gerar riquezas e transformar perfil produtivo de uma cidade e/ou região.

Para Alagoinhas, a administração de Dilma Rousseff acabou (?) de forma melancólica, pois a cidade foi esquecida, enquanto outros municípios brasileiros, menos importantes, situados em estados que não possuem a estatura da Bahia, poderão ser contemplados.

Nada contra, porque sou um defensor intransigente da educação pública superior em qualquer região do Brasil, mas não posso me calar diante de mais uma injustiça cometida contra Alagoinhas.

Por isso, uma pergunta se impõe: Onde está a Universidade Federal do Nordeste da Bahia?

Link de matéria sobre a proposta de criação das cinco universidades:

http://www.brasil.gov.br/educacao/2016/05/dilma-garante-cinco-novas-universidades-federais-no-pais

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje