Mutuários do Residencial Águas do Viver protestam contra construtora Atrium e Caixa Ecônomica

ÁGUAS DO VIVER MANIFESTAÇÃO 1

Inconformados com o atraso na entrega das casas do residencial Águas do Viver, em construção do Mangalô, futuros mutuários realizaram, na manhã desta sexta-feira, manifestação em frente ao condomínio para pressionar a Atrium Construções, empresa responsável pela edificação das 500 unidades habitacionais, e a Caixa Econômica Federal, agente financiador do empreendimento imobiliário.

No portão de entrada, os mutuários conversaram com os responsáveis e foram informados que as primeiras casas serão entregues no dia 8 de dezembro. A segunda etapa está prevista para 13 de janeiro e a terceira em 27 do mesmo mês.

IMG-20151127-WA0005

O vereador Radiovaldo Costa, que participou da conversa com os representantes da Atrium, fez contato com a superintendência da Caixa Econômica (Feira de Santana) e solicitou vistoria conjunta na próxima semana, entre técnicos do banco, Atrium, Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), Coelba e os futuros moradores. “

ÁGUAS DO VIVER MANIFESTAÇÃO 3

“Os mutuários não confiam que as datas de entrega das casas serão cumpridas e nem concordam com este novo novo cronograma, que fatiou a liberação dos imóveis”, disse Costa. 

 

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje