Manifestação do Dia Nacional de Luta teve momentos de muita tensão em Alagoinhas

DIA NACIONAL DE LUTA 1A manifestação que aconteceu hoje em Alagoinhas, como parte das atividades do Dia Nacional de Luta, teve momentos de muita tensão quando os manifestantes tentaram fechar as portas das lojas.

DIA NACIONAL DE LUTA 1 2

A primeiro embate aconteceu em frente á loja do supermercado Central, localizada na Rua D. Pedro II, centro da cidade.

Os seguranças reagiram, os manifestantes insistiram e conseguiram fechar a loja. A Polícia Militar apenas observou o entrevo.

O trânsito de veículos nas ruas centrais, como era de se esperar, foi difícil.

Na medida em que a caminhada passava as casas comerciais cerravam suas portas. Muitas optaram por fechar antes da passagem dos manifestantes.

Alguns componentes do Grupo Vem Pra Rua Alagoinhas eram os mais dispostos a fechar as lojas.

No viaduto da Avenida Joseph Wagner os manifestantes fizeram uma barreira que impediu a saída de veículos de Alagoinhas.

Eles só autorizaram a entrada na cidade.

Os ferroviários, como estava programado, protestaram contra as possíveis demissões dos trabalhadores da Ferrovia Centro Atlântica.

A cúpula da Secretaria Municipal de Educação desistiu de manter o expediente interno e liberou os funcionários.

Em uma rápida conversa com o editor do Alagoinhas Hoje, Benedito Vieira, presidente do Sindicato do Comércio, classificou o movimento como baderna e disse que a cidade deu um péssimo exemplo para o Brasil. “O que está acontecendo aqui não tem nada a ver com as reivindicações em nível nacional, porque virou baderna e tentativa de fechar as lojas com ameaça de depredação”, salientou Vieira.

Às 11h25, na Rua Carlos Gomes, o motorista de um veículo Saveiro tentou atropelar os manifestantes.

Em frente às lojas Americanas, Casas Bahia, Lulu Motos e Mersan o clima ficou bastante tenso e os seguranças não queriam admitir o fechamento das casas comerciais.

A estimativa é que 1.500 pessoas estiveram nas ruas para protestar.

FOTOS: MARCELO OLIVEIRA

DIA NACIONAL DE LUTA 3

DIA NACIONAL DE LUTA 4

DIA NACIONAL DE LUTA 5

DIA NACIONAL DE LUTA 7

DIA NACIONAL DE LUTA 8

DIA NACIONAL DE LUTA 9

DIA NACIONAL DE LUTA 1O

DIA NACIONAL DE LUTA 11

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje