Luiz Argôlo se filia ao Partido Solidariedade

O deputado federal Luiz Argôlo será um dos membros do Solidariedade, partido aprovado esta semana pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e que já nasce como um dos maiores da política brasileira. A previsão é de que a legenda reúna inicialmente 33 deputados federais. Entre estes, encontram-se, além de Argôlo, mais dois parlamentares baianos: Arthur Maia (que estava no PMDB) e Marcos Medrado (antes no PDT).

Argôlo diz que o Solidariedade situa-se no campo da centro-esquerda e, na Bahia, fará parte da base de sustentação do governador Jaques Wagner. Ele afirma ainda que a decisão de mudar de legenda tem a ver com “a busca de novos espaços e horizontes na política, inclusive para abrigar aliados em diversos municípios baianos”. Há expectativa de que um número expressivo de deputados estaduais se filie nos próximos dias à legenda, registrada com o número 77.

“É um momento de grande importância para a política brasileira, quando surge um partido fortemente comprometido com as questões sociais e a defesa de um Estado que atenda com a maior eficiência possível as demandas da sociedade”, afirma Argôlo.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje