Funcionários da Flex, Delta e LC entram em greve e reivindicam cumprimento de obrigações trabalhistas

Os funcionários da Flex, Delta e LC, empresas terceirizadas da Secretaria Estadual de Educação, entram em greve e paralisam suas atividades na manhã desta quinta-feira e não comparecerão ao trabalho nas escolas estaduais de Alagoinhas.

As principais reivindicações são o pagamento dos salários de Junho, a retorno da assistência médica, suspensa desde Maio, do vale transporte e dos tíquetes alimentação.

A partir das 8 horas,  os funcionários das três empresas se reúnem na Câmara de Vereadores para discutir os encaminhamentos da greve, mas uma decisão já está tomada: eles só retornarão às atividades normais quando a Flex, Delta e LC cumprirem todas as obrigações trabalhistas.

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje