Festival de Cinema Baiano começa nesta sexta em Feira de Santana

cinema

Curtas, longas metragens de ficção, animação e documentários estão entre os filmes que serão exibidos na segunda etapa da sexta edição do Festival de Cinema Baiano (Feciba), que começa nesta sexta-feira (13), em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 quilômetros de Salvador. O evento acontece até domingo (15), no Centro de Cultura Amélio Amorim, com parte da programação gratuita. Serão 22 filmes e debates sobre o universo cinematográfico baiano e brasileiro.

O evento será aberto com uma oficina de produção de curta metragem, seguido pela exibição de “Tropykaos”, do cineasta Daniel Lisboa. O longa apresenta uma metáfora do sol e do calor soteropolitano que atormentam um jovem poeta.

Uma das atrações mais aguardadas é a animação “O menino e o mundo”, de Alê Abreu, que concorreu ao Oscar da categoria na última edição do evento. A sessão acontece no sábado (14), com entrada gratuita.

No domingo (15), acontece a mesa redonda “A linha de fronteira se rompeu”, com a participação do professor da Universidade Estadual de Feira de Santana, Cláudio Cledson, da realizadora e integrante do Coletivo Tela Preta, Larissa Fulana de Tal, e do cineasta Deo.

Confira a programação completa do evento:

SEXTA – 13/05
Local: Centro de Cultura Amélio Amorim
08:00 – Oficina de Produção de Curta-metragem com Paula Gomes.
18:30 – Cerimônia de Abertura
19:00 – Mostra Atualidades
Exibição do filme “Tropikaos”, de Daniel Lisboa (Entrada: R$ 5,00 – preço único).

SÁBADO – 14/05
Local: Centro de Cultura Amélio Amorim
08:00 – Oficina de Produção de Curta-metragem com Paula Gomes.
10:00 – Mostra Infanto-juvenil (Entrada gratuita)
Exibição do longa metragem “O menino e o mundo”, de Alê Abreu e dos curtas “Alguma coisa na vida”, do Coletivo LEM e “Como dissecar uma menina malina”, de Deoveki Silva.
13:30 – Mostra Bahia Adentro (Entrada gratuita)
Exibição dos filmes “Umbigo”, de Cauê Rocha, “Das dores da penitência”, de Wellington Monteclaro e “No dia em que acordamos surdos”, de Rafael Oliveira.
15:30 – Mostra Retrospectiva (Entrada gratuita)
Exibição do filme “A idade da terra”, de Glauber Rocha.
17:30 – Mostra Competitiva (Entrada gratuita)
Exibição dos curtas “Cordilheira de Amora II”, de Jamille Fortunato, “Órun Àiyé: A Criação do Mundo”, de Jamile Coelho e Cintia Maria, “Neandertais”, de Marcus Curvelo, “Entroncamento”, de Maria Carolina e Igor Souza e “Retomada”, de Leon Sampaio.
19:30 – Mostra Bahia Afora (Entrada: R$ 5,00 – preço único)
Exibição dos filmes “Minha amada morta” de Aly Muritiba e “Alegoria da dor”, de Matheus Viana

DOMINGO – 15/05
Local: Centro de Cultura Amélio Amorim
08:00 – Oficina de Produção de Curta-metragem com Paula Gomes.
10:00 – Mesa “A linha da fronteira se rompeu”, com Cláudio Clédson, Deo e Larissa Fulana de Tal, sob mediação de Edson Bastos. (Entrada Gratuita)
15:30 – Mostra Sexualidades (Entrada gratuita)
Exibição dos filmes “Âncora do Marujo”, de Victor Nascimento e “Desejos”, de Clarissa Rebouça.
17:30 – Mostra Competitiva (Entrada gratuita)
Exibição dos curtas “Salitre”, de Lara Belov “Sísifo do Vale”, de George Varanese, “Ana”, de Camila Camila, “IFÁ”, de Leo França e “Sandrine”, de Elen Linth e Leandro Rodrigues.
19:30 – Mostra Atualidades (Entrada: R$ 5,00 – preço único)
Exibição do filme “O amor dos outros”, de Deo.

Fonte: bahia.ba

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje