Empresário manteve diálogo áspero com prefeito e secretários no Centro Administrativo Municipal

Ainda bem (para a administração municipal) que o mês de Fevereiro é o menor do calendário e já está acabando, porque o inferno astral do governo parece não ter fim.

Na semana passada, gente importante da administração municipal arrumou confusão com o Alagoinhas Hoje e com alguns vereadores.

Nos dois episódios, o governo se desgastou politicamente.

Hoje pela manhã, um importante empresário local se dirigiu ao Centro Administrativo Municipal (CAM) e em uma das salas encontrou o prefeito e três secretários reunidos para tratar de assuntos de interesse da Prefeitura de Alagoinhas.

De forma pouco amistosa e com adjetivos que não cabem aqui registrar, pela dureza das palavras, o empresário questionou o prefeito sobre uma situação específica.

O prefeito não apresentou as respostas desejadas por ele

No meio da confusão, o empresário recebeu uma ligação da secretária de Assistência Social, que também de forma pouco amistosa, questionou os motivos que o levaram a procurar o prefeito.

O diálogo entre ambos não foi nada bom e resvalou para uma contenda verbal;

O clima no entorno do prefeito está péssimo porque uma antiga amizade se aproxima do fim em razão de situações que se vierem a público poderão chamuscar muita gente.

As consequências deste rompimento são imprevisíveis.

Há muitas testemunhas do fato, já que o empresário não economizou a voz e nem os adjetivos pouco qualificativos.

O escândalo tomou grandes proporções e desgasta ainda mais o governo em um mês aziago.

Existem versões do fato que indicam ser o pagamento de um Documento de Arrecadação Municipal (DAM) o próximo passo do empresário.

A conferir.

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje