Com críticas à imprensa, Lula e Dilma inauguram site sobre governos petistas

Com críticas à imprensa, a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula participaram do lançamento do site O Brasil da Mudança nesta terça-feira (12), em Brasília. O site foi desenvolvido pelo Instituto Lula com o objetivo de divulgar as políticas implantadas pelos governos petistas nos últimos 11 anos. Em campanha, Dilma não fez ataques diretos à imprensa, função que ficou a cargo do ex-presidente apresentou o site como um instrumento capaz de dar uma informação “correta” sobre “o que aconteceu e o que vai ainda acontecer” no Brasil.

Lula reclamou do tratamento dado ao seu governo no lançamento da primeira versão do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC). Na ocasião, segundo ele, os jornais só investiram em notícias sobre atrasos nas obras.

“Cheguei a conclusão que os jornais só falam de atraso nas obras quando tem o governo que faz obra, quando tem um governo que não faz, eles não sabem”, provocou Lula.

Lula lembrou as críticas feitas ao governo em relação ao programa Bolsa Família. “O pessoa queria saber qual era a porta de saída e os coitados ainda nem tinham entrado”, criticou.

No evento, Dilma aproveitou para comparar os investimentos em infraestrutura hídrica feitos durante os governos petistas com os dois governos de Fernando Henrique Cardoso. “Se somar as cisternas construídas por Lula e em meu governo se chegará ao número de um milhão”, disse Dilma.

A campanha de Dilma quer colocar o acesso à água no centro das discussões durante as eleições para estimular o contraste com a crise de abastecimento vivido por São Paulo e que afetam diretamente a imagem do governo tucano no maior colégio eleitoral do país.

Lula também partiu para o ataque. “Eu fico me perguntando se alguém se lembra de uma obra de infraestrutura do governo de FHC. Eu não me lembro. Acho que eles também tem dificuldade de lembrar”, disse Lula.

O site O Brasil da Mudança, desenvolvido sob o comando do ex-ministro da Comunicação de Lula, Franklin Martins, reúne textos, fotos, vídeos sobre as políticas implantadas pelos governos petistas nos últimos anos.

De acordo com o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamoto, o site é o primeiro produto a ser lançado pelo Instituto Lula. Há ainda mais dois sites sendo construídos. Um dos sites chamará Memorial da Democracia e contará a história das lutas pela redemocratização e das lutas sociais encabeçadas pelo PT. O terceiro site se chamará Acervo Presidencial, com detalhes sobre os dois mandatos de Lula.

“Temos orgulho de mostrar isso porque as transformações não caíram do céu”, opinou Franklin Martins.

Fonte: iG

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje