BATE PRONTO 9

A tradição de Alagoinhas em transporte ferroviário está sendo desconsiderada pelo governo federal, que pretende fazer uma malha ferroviária para ligar Petrolina, em Pernambuco, e Juazeiro, no norte da Bahia, a Feira de Santana, cidade sem qualquer vinculação com este segmento econômico, mas voraz quando se trata de captar novos investimentos. Alagoinhas está prestes, nesta questão, a perder o bonde e o trem da história.

Diante da importância do tema, a coluna Bate Pronta 9 trata de alguns aspectos desta questão em suas dez notas.

Ferrovia I

O ministro dos Transportes, César Borges, padrinho de casamento do prefeito Paulo Cezar, lançou ontem, em Juazeiro, o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) do projeto da ligação ferroviária entre Parnamirim, em Pernambuco, até Feira de Santana, passando por Petrolina e Juazeiro.

Ferrovia II

O traçado da ferrovia deixará Alagoinhas em posição secundária, mais uma vez, frente à Feira de Santana, que será o destino final dos produtos agrícolas da região norte do estado e de Pernambuco. A exportação de se dará pelos portos de Aratu e Salvador.

Ferrovia III

Alagoinhas está localizada em posição estratégica e se perder esta oportunidade toda sua tradição ferroviária será jogada no lixo. E parte de seu futuro também. Feira de Santana, com seu voraz apetite econômico, se transformará no maior centro ferroviário do Nordeste.

Ferrovia IV

O que o deputado federal Luiz Argolo tem a dizer sobre isso? Ele que se diz tão vinculado à ferrovia deveria deixar claras suas posições a este respeito. Ou ele pretende cabalar votos em Feira de Santana em 2014?

Ferrovia V

Qual foi o teor da conversa do prefeito Paulo Cezar com o ministro César Borges ontem em Brasília? Será que ele tratou desta questão ou ela é muito complexa para o alcaide? Sabe-se que as coisas complicadas e chatas são deixadas de lado pelo prefeito. Ele gosta mais da perfumaria da política do que do trabalho braçal que às vezes é exigido dos gestores comprometidos com o futuro.

Ferrovia VI

Pelo que se sabe, o ministro César Borges não é padrinho de casamento do prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo. Mas o é do prefeito Paulo Cezar, como fez questão de alardear o prefeito de Alagoinhas.

Ferrovia VII

A confirmação do trajeto da ferrovia será um golpe mortal nas pretensões de transformar Alagoinhas em um importante pólo logístico da Bahia. 

Ferrovia VIII

Não se pode nem alegar a força política de Feira de Santana no plano federal. Ela está sub- representada, pois o deputado federal Colbert Martins é suplente e os outros com base na princesa do sertão fazem parte do baixo clero. Não têm peso político considerável.

Ferrovia IX

O deputado federal licenciado e chefe da Casa Civil, Rui Costa, deveria se pronunciar sobre a obra, que se concretizada, terá repercussões econômicas positivas nos próximos 100 anos para Feira de Santana. Afinal, Costa obteve uma grande votação em Alagoinhas. É hora de somar forças e defender os interesses da nossa cidade.

Ferrovia X

O Alagoinhas Hoje enviou uma série de questionamentos para a Divisão de Imprensa do Ministério dos Transportes sobre o tema. Aguardamos as respostas.

 

 

 

 

 

 

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje