Após Brexit vencer, alguns britânicos se arrependem de voto

mercado-brexit

No dia seguinte ao referendo que aprovou a saída do Reino Unido daUnião Europeia, alguns eleitores britânicos parecem estar arrependidos de suas escolhas.

“Estou um pouco chocado”, disse um britânico para a BBC. “Eu não achei que o meu voto importaria muito, porque pensei que apenas iríamos permanecer [na União Europeia]”, complementou.

Uma jornalista da BBC também relatou que eleitores da cidade de Manchester acordaram hoje pensando “o que foi que eu fiz?” após votarem pela saída.

As pesquisas do Google também indicam que algumas pessoas não tinham tanta certeza na escolha que fizeram ou nas consequências do voto.

Termos como “o que acontece se nós deixarmos a União Europeia” e “quem vai substituir [o premiê] David Cameron” foram os mais buscados no site após o fim da votação.

Surpreendendo o mundo inteiro, a Brexit venceu a disputa com 52% dos votos, contra 48% dos eleitores que gostariam de permanecer no bloco europeu. Das 45,6 milhões de pessoas que poderiam votar, 72% participaram do referendo.

No dia seguinte da votação, o primeiro-ministro britânico, David Cameron,anunciou sua demissão.

Além disso, a libra esterlina teve uma desvalorização de 7,5% (que chegou ao nível mais baixo desde 1985); e a agência de classificação de risco Moody’s anunciou a mudança da perspectiva do rating do Reino Unido, que passou de “estável” para “negativa”.

Estima-se que os britânicos vão encarar agora pelo menos dois anos de negociações amargas.

Fonte: Exame

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje