Suspeito de assassinar jornalista a pedradas vai a júri popular

O suspeito de assassinar a jornalista Daniela Bispo dos Santos, Mateus Vilian Alecrim Dourado Araújo, de 32 anos, vai a júri popular nesta sexta-feira, 19. O julgamento acontecerá a partir das 8h no Fórum Ruy Barbosa, no 1º Juízo da 1ª Vara do Tribunal do Juri, no bairro Nazaré, em Salvador.

A jornalista foi morta a facadas e pedradas na cabeça na noite de 13 de novembro de 2017 no edifício Catabas Empresarial, na avenida Tancredo Neves, onde ela trabalhava como operadora de call center com atendimento a vítimas de agressões.

O suspeito foi preso em flagrante na avenida Santos Dumont, no município de Lauro de Freitas, em 14 de novembro de 2017 após realizar uma entrevista de emprego. Na ocasião ele alegou que o crime foi motivado porque a vítima estava pressionando para que ele terminasse uma relação que ele mantinha com outra mulher.

Durante o encontro, marcado por meio do WhatsApp, o casal discutiu e em seguida Mateus agrediu a mulher com quem matinha um relacionamento de quatro anos e apesar dela tentar se defender, ele a matou. Daniela deixou dois filhos.

Daniela foi assassinada á facadas e pedradas
Daniela foi assassinada á facadas e pedradas

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje