STJ analisa se importação de sementes de maconha configura ou não crime

Dois casos de importação de sementes de maconha serão avaliados pelo Superior Tribunal de Justiça (STF) na próxima quarta-feira (24).

Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo, a terceira seção da corte analisará se trazer para o país uma pequena quantidade de sementes configura ou não crime.

Os dois casos que estão em pauta ocorreram em São Paulo. No primeiro, foram importadas 31 sementes, já no segundo, 16. Os réus sustentam que esse tipo de contrabando não pode se igualar ao crime de tráfico.

 

Fonte: bahia.ba

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje