Sonia Fontes assume controle do PSD em Alagoinhas

SONIA FONTES 2

Em uma articulação do prefeito Paulo Cezar (PDT) com o senador Otto Alencar, a secretária municipal de Infraestrutura e Planejamento Urbano, Sonia Fontes, assumirá nos próximos dias o controle do PSD em Alagoinhas. A antiga comissão provisória, comandada por Gelinho Feliciano, já foi destituída por Alencar, presidente estadual da legenda.

Na segunda-feira (6), em Salvador, o prefeito esteve com o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, atual titular do Ministério das Cidades. Para efeitos externos, a pauta constou de reivindicações para o município. Mas a política certamente compôs o cardápio do encontro entre Otto, Kassab, Paulo Cezar e Sonia Fontes.

A articulação do prefeito indica claramente sua preferência por Sonia Fontes na disputa da Prefeitura de Alagoinhas. 

Parte do grupo cezista, em off, afirma que não aceitará em hipótese nenhuma a candidatura sonista. Em política, como se sabe, certas decisões imutáveis são completamente flexibilizadas no decorrer do tempo. Na verdade, no sentido amplo do termo, faltam homens com coragem e despreendimento na política de Alagoinhas para tomar decisões autônomas, distantes do pragmatismo corriqueiro. 

Segundo uma fonte do AH, que solicitou anonimato, o prefeito estaria tentando manter sob seu raio de influência o Partido Socialista Brasileiro (PSB), até então a legenda de Sonia Fontes.

PT

Cada dia mais isolado em Alagoinhas, o PT vê a banda tocar (sem reação) e mais um partido da base de Rui Costa passar para o controle do prefeito Paulo Cezar. E não é um partido qualquer: o PSD tem bancada na Assembleia Legislativa, na Câmara Federal e um ministro de Estado de importante pasta.

O ingresso da secretária no PSD é um eloquente discurso do prefeito, que deseja vê-la candidata de seu grupo (unido ou rachado) à Prefeitura de Alagoinhas. 

Foto: SECOM/PMA

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje