Secretária de Assistência Social afirma que nova sede do Conselho Tutelar será definida em parceria com o Ministério Público

A nova sede do Conselho Tutelar de Alagoinhas, segundo a secretária de Assistência Social, Tatiana Andrade, será definida em parceria com o Ministério Público porque as alternativas apresentadas pela administração municipal não foram aceitas pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e nem pelos conselheiros tutelares.

A secretária afirmou ao editor do Alagoinhas Hoje que a questão é política e que não vê razões para a não aceitação das três alternativas oferecidas. “A primeira proposta foi a reforma do espaço atual, depois apresentamos a casa da Rua 8 de Dezembro (Cavada) e em seguida indicamos um espaço na Secretaria Municipal de Saúde”, registrou, acrescentando “que todas foram recusadas e a sugestão dos conselheiros foi o aluguel de uma casa nas proximidades do Giba´s Bar, que custaria R$ 2.000,00 por mês”.

Ela concorda que a instalação de bares e barracas na entrada da atual sede do Conselho Tutelar comprometeu de certa forma as atividades da instituição.

Na casa onde funciona a Secretaria de Saúde seriam construídos cinco gabinetes para os conselheiros, recepção e climatização do ambiente, mas sob a alegação e exigência de privacidade, o espaço não foi aceito.

Diante do impasse, a estratégia será apresentar ao Ministério Público as razões da administração, que de acordo com a secretária, estariam vinculadas à necessidade de economizar recursos públicos.

Capacitação

A secretária criticou solicitação dos conselheiros tutelares: todos desejavam contar com apoio financeiro da prefeitura para um curso de capacitação de seis dias que seria realizado em Porto Seguro. “Não concordamos em função do montante de recursos envolvidos e também porque a cidade ficaria quase uma semana sem a atuação do Conselho Tutelar”, salientou Tatiana Andrade.

Contestação

O site publicará, se assim o Conselho Tutelar desejar, a  versão dos conselheiros em relação às críticas da Secretária de Assistência Social publicadas nesta matéria

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje