Prefeitura de Alagoinhas romperá contrato com a Fácil Serviços – Exclusiva

Ainda não é oficial, mas a Prefeitura de Alagoinhas decidirá na manhã de hoje, em reunião no Centro Administrativo Municipal (CAM), a partir das 9 horas, o rompimento do contrato com Fácil Serviços. Após receber R$ 350 mil na semana passada, referentes ao reequilíbrio econômico do contrato, o administrador da empresa, Domingos Antônio da Costa, desapareceu e não pagou parte dos valores devidos aos trabalhadores, em greve há três semanas. 

A reunião contará com as presenças de secretários municipais, vereadores e representantes do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Alagoinhas (SINPA).

Sem alternativas, a Prefeitura de Alagoinhas decidiu romper o contrato com a Fácil Serviços e deverá contratar emergencialmente outra empresa. Ontem a noite, o editor do site entrou em contato com o secretário de Relações Institucionais, João Rabelo, e o questionou sobre as ações da administração municipal para resolver o problema, mas obteve apenas uma resposta lacônica: “Amanhã de manhã teremos novidade”, disse.

A novidade, de acordo com uma fonte do Alagoinhas Hoje, será o rompimento unilateral do vínculo entre as partes. Não faltam razões administrativas e jurídicas para a administração municipal romper o contrato com a Fácil Serviços, que costumeiramente descumpriu praticamente todas as suas obrigações trabalhistas.

Para os trabalhadores, o horizonte é péssimo: um calote da empresa na casa do milhão se aproxima. 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje