Prefeitura de Alagoinhas quer terceirizar Maternidade Municipal – Exclusiva

MATERNIDADE DE ALAGOINHAS

A Prefeitura de Alagoinhas quer terceirizar a gestão da Maternidade Municipal e deverá enviar à Câmara de Vereadores, ainda nesta semana, projeto de lei solicitando autorização para repassar à iniciativa privada a unidade de obstetrícia e puericultura, que segundo uma fonte do site, custa mensalmente ao erário algo em torno de R$ 1 milhão.

Em café da manhã nesta quarta-feira, na Pousada Alagoinhas, os operadores políticos do governo municipal, Gustavo Carmo e João Rabelo, se reuniram com os vereadores da base para apresentar as vantagens da terceirização e, certamente, pedir o apoio da maioria para a aprovação do projeto no momento em que ele chegar ao plenário.

O secretário municipal de Saúde, Reginaldo Paiva, também participou da reunião com os vereadores.

Após a terceirização da rodoviária, a administração municipal dá mais um passo para entregar à iniciativa privada outro equipamento público.

Foto: Amilton André – SECOM/PMA

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje