Onde está o edital para a contratação de agência de publicidade da Câmara de Vereadores?

O processo licitatório para contratação da agência de publicidade da Câmara de Vereadores está em andamento (vide a formação da Subcomissão Técnica, que é uma das etapas legais para viabilizar a disputa), mas estranhamente o edital não foi publicado.

Houve esquecimento ou foi uma estratégia de camuflagem do processo?

Onde está a transparência da gestão do presidente Jorge Mendes?

A quem interessa restringir a participação de empresas de Alagoinhas ou de outros municípios?

Quais pessoas estão envolvidas internamente neste processo de contratação da futura agência de publicidade da Casa?

Sem o edital, que contém as regras da disputa, nenhuma empresa terá condições de participar da licitação.

O briefing, elemento fundamental para a construção das peças publicitárias, obrigatoriamente está inserido no edital e é o norte para as agências.

O Alagoinhas Hoje não vai acolher desculpas esfarrapadas, arranjos e quaisquer outras atitudes para “proporcionar transparência” a um processo cheio de falhas e que deixa muitas dúvidas.

Ou muitas certezas para quem conhece certos trâmites atuais do legislativo alagoinhense.

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje