Nadadores ouvidos pela polícia são liberados para deixar o Brasil

usa

Os nadadores americanos Gunnar Bentz e Jack Conger podem deixar o Brasil para retornar aos Estados Unidos. Os dois, que foram ouvidos pela Polícia Civil do Rio de Janeiro nesta quinta-feira (18), foram autorizados pela Justiça a receber os passaportes de volta para viajar. Eles devem deixar o Brasil ainda hoje.

Já o nadador James Feigen, que também esteve envolvido na confusão, continua com o passaporte retido. Ele continua no Brasil, mas tem paradeiro ignorado e ainda não foi ouvido novamente. Ryan Lochte, o quarto nadador envolvido no caso, já voltou para os EUA na segunda-feira.

Segundo a polícia, Bentz e Conger foram indiciados por falsa comunicação de crime, que tem pena de um a seis meses de prisão, ou multa. No depoimento, um deles confirmou que a informação de que o grupo foi assaltado era falsa. Eles se envolveram em uma confusão em um posto de gasolina, depredando o banheiro do estabelecimento.

Bentz e Conger foram vaiados ao deixar a Delegacia Especial de Atendimento ao Turista (Deat), onde ficaram por cerca de quatro horas prestando esclarecimentos. Eles foram retirados de um voo para os EUA ontem à noite para que pudessem ser ouvidos pela polícia.

“Desrespeito”

Anfitrião de uma festa na Casa da França na madrugada do domingo, onde estiveram os nadadores americanos, o brasileiro Thiago Pereira ficou desapontado ao saber que os colegas mentiram sobre serem assaltados ao deixar o evento. O brasileiro disse que a história é um “desrespeito pelo país”.

“A história repercutiu mundialmente. É triste isso. Se for realmente isso que está mostrando é muito triste. Denegrir a imagem do nosso país, numa Olimpíada na nossa casa… Fizemos com tanto carinho esses Jogos. Sabemos o quão difícil foi fazer essa Olimpíada. O quanto o Brasil penou. Estamos numa situação política que não está fácil pra ninguém. Demos a raça para fazer a melhor Olimpíada, para receber todo mundo… E se foi isso que estão falando, foi desrespeitoso com o nosso país, com o Rio. Falta um pouco de respeito”, disse Thiago nesta quinta pela manhã, durante um evento.

Fonte: Correio 24h

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje