Módulo de produtividade mensal: prorrogado prazo para checar produtividade

justica_numeros_prazo_prorrogado_050516

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) prorrogou o prazo para os tribunais enviarem as informações sobre produtividade dos magistrados e serventias judiciárias.

Deste modo, o Tribunal de Justiça da Bahia deixa o módulo de produtividade mensal do Poder Judiciário – o antigo Justiça Aberta – disponível até o dia 10 de maio, para que magistrados verifiquem se as informações estão corretas. Devem ser checados os dados referentes aos meses de janeiro de 2015 a abril deste ano.

O sistema acrescentou, como obrigatório, a prestação de informações sobre força de trabalho (em produtividade de serventias) e função do magistrado na unidade (em produtividade de magistrados). Estas últimas informações deverão ser fornecidas por todos os magistrados, também referentes aos meses que já haviam sido disponibilizados anteriormente.

Clique e acesse o sistema.

Mudanças

Conforme o Provimento 49/2015 do CNJ, o Sistema Justiça Aberta, no que se refere aos dados de juízes e serventias judiciárias, foi convertido no Módulo de Produtividade Mensal do Poder Judiciário. Cabe, agora, aos tribunais encaminharem as informações sobre produtividades para o CNJ.

Magistrados devem consultar mensalmente o sistema Módulo de Produtividade Mensal, criado pelo TJBA, para que possam verificar os dados de produtividade gerados, antes do tribunal fazer o envio para o CNJ.

O sistema exibe as informações de produtividade, obtidas nos sistemas judiciais, de acordo com as movimentações realizadas pelos magistrados, respeitando as regras definidas no glossário do Provimento (clique aqui e consulte o Glossário).

As informações disponibilizadas poderão ser retificadas e justificadas pela opção “Observações”.

A fim de facilitar, o acesso e operacionalização do sistema, a Secretaria de Tecnologia, Informação e Modernização do TJBA (Setim) elaborou uma cartilha, com o passo a passo para acesso e registro de informações. A cartilha tira dúvidas sobre o uso da ferramenta e o funcionamento do módulo, de forma rápida e prática.

Clique aqui e acesse a cartilha

O sistema pode ser acessado por meio do endereço www.tjba.jus.br/justicaemnumeros ou pelo site do TJBA, no menu “Magistrados” > “Ver Todos” > “Justiça em Números”. A Setim indica que, preferencialmente, utilize-se o navegador Google Chrome. Para acesso é preciso indicar o usuário e senha de acesso à rede do TJBA.

A cada início de mês será aberto um novo prazo para magistrados verificarem a produtividade referente às atividades do mês anterior. Os dados devem ser analisados para cada uma das unidades em que o juiz atuou.

Fonte: TJ Bahia

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje