Luislinda Valois é nomeada secretária de Promoção da Igualdade Racial

luislinda-valois-rodrigo-aguiar-bahiaba

A desembargadora Luislinda Dias de Valois Santos foi nomeada para o cargo de secretária especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Ministério da Justiça e Cidadania. A nomeação está publicada na edição desta segunda-feira (13) do Diário Oficial da União.

Reconhecida por lutar contra o preconceito racial, Luislinda Valois é considerada a primeira juíza negra do Brasil e foi autora da primeira sentença de condenação por racismo no país, em 1993. A desembargadora criou, em 2003, o projeto Balcão de Justiça e Cidadania, com o objetivo de facilitar o acesso da população carente aos serviços judiciários.

Em 2011, foi promovida, por antiguidade, a desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia se aposentando alguns meses depois. Filiada ao PSDB, Luislinda se candidatou ao cargo de deputada federal pela Bahia, em 2014, mas não foi eleita.

Nascida em Salvador em 1942, filha de uma família pobre, Luislinda sofreu ainda na infância o preconceito racial, circunstância que lhe inspirou a buscar a judicatura.

O Diário Oficial da União desta segunda-feira também traz a nomeação do economista e administrador Erivaldo Oliveira da Silva para a presidência da Fundação Cultural Palmares. Erisvaldo Oliveira é mestre em economia do setor público e administração pública, especialista em planejamento estratégico e marketing e foi professor da Universidade Federal da Bahia.

Fonte: bahia.ba

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje