Dilma e Campos devem dividir palanque em Pernambuco na semana que vem

Possíveis adversários nas eleições do ano que vem, a presidente Dilma Rousseff e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), devem subir no mesmo palanque na próxima segunda-feira (25).

Em mais uma parada de seu périplo pela região Nordeste, Dilma vai participar de solenidades no Recife e em Serra Talhada, município do sertão pernambucano.

No interior, a presidente irá anunciar investimentos na Adutora do Pajeú, obra de R$ 500 milhões, incluída no PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento), que visa o abastecimento de água no sertão de Pernambuco. Na capital pernambucana, a agenda da presidente ainda está sendo definida.

O encontro é aguardado com ansiedade no meio político. O cancelamento da visita marcada para fevereiro, justificado pelo dedo quebrado da presidente, gerou mal estar entre aliados de Eduardo Campos, que perceberam certa má vontade por parte de Dilma.

Desde então, o governo pernambucano demonstrou seu desconforto ao deixar de especular sobre a visita presidencial ao Estado, informação muito demandada pela imprensa local.

O Palácio do Campo das Princesas, sede do Executivo estadual, optou por deixar a divulgação da agenda a cargo do Palácio do Planalto.

Fonte: Folha de São Paulo

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje