Deputado busca apoio do Estado para comunidades quilombolas de Alagoinhas

Moradores de comunidades quilombolas de Alagoinhas e região foram recebidos pelo deputado Joseildo Ramos (PT) na última sexta-feira (16) para discutir uma série de ações com objetivo de melhorar a qualidade de vida da população remanescente dos quilombos. Na pauta, a regularização fundiária, o reconhecimento de titularidade das comunidades, captação de recursos via editais e as dificuldades encontradas nas áreas da saúde, educação e infraestrutura.

Moradores de Oiteiro, Cangula, Buri, Catuzinho de Alagoinhas e Catuzinho de Aramari conheceram as políticas públicas e projetos disponíveis para as comunidades tradicionais. Um estudo antropológico deverá ser realizado para saber qual o tamanho das terras que as comunidades têm direitos e a necessidade de desapropriação e regularização. Acompanhado do vereador de Alagoinhas, Luciano Sérgio (PT), o deputado esteve no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), na Fundação Cultural Palmares e na Secretaria Estadual de Promoção da Igualdade (Sepromi).

Joseildo lembrou-se da Política de Direitos dos Povos e Comunidades Tradicionais, criada em 2011, e ressaltou o protagonismo das comunidades. “Meu mandato é apenas um instrumento para intermediação. Não podemos substituir a luta deles. Estamos aqui apenas facilitando e fortalecendo o protagonismo dessas associações e entidades”, afirmou.

O representante da Fundação Palmares na Bahia, Fábio de Santana, reforçou a importância de a comunidade estar organizada para cobrar da administração municipal os benefícios à que tem direitos. “Os recursos para as comunidades Quilombolas passam pela prefeitura, é preciso cobrar dos governantes a aplicação correta para garantir a melhoria da qualidade de vida desse povo”, completou Fábio.

Na Sepromi, o grupo conheceu o Programa Brasil Quilombola e entregou ao coordenador de políticas para as comunidades quilombolas, Raimundo Pedreira, uma carta contendo as principais reivindicações e necessidades desses povos.  Para a presidente da Associação do Oiteiro, Maria do Carmo, o dia foi muito proveitoso e esclarecedor. “Ficamos muito felizes com o dia de hoje e o deputado tem sido um parceiro importante para garantir o reconhecimento e  acesso aos nossos direitos. Não podemos mais viver excluídos, somos um povo livre e queremos receber aquilo que nós é nosso”, disse Do Carmo.

Além do deputado Joseildo e do vereador Luciano, estavam presentes o também vereador Toinho de Aramari, a presidente da associação do Oiteiro, Maria do Carmo, e as associadas Maria de Lourdes e Angélica, a vice-presidente da associação do Cangula, Marines, e a associada Antônia, o presidente da Associação do Buri, Elielson e a integrante Andreza, o presidente da associação do Catuzinho Alagoinhas, Cosme, e os membros Agapito e Antônio, e o presidente da associação do Catuzinho Aramari, Gildo, e associado Vado.

JOSEILDO QUILOMBOLAS

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do deputado Joseildo Ramos – Foto: Kamilla Chagas

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje