Coronel é eleito presidente da AL-BA e encerra Era Nilo

Com candidatura única, o deputado estadual Ângelo Coronel (PSD) foi eleito, na tarde desta quarta-feira (1º), o novo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) e pôs fim à era de Marcelo Nilo (PSL), que comandou a Casa por dez anos. Ele recebeu 57 votos, contra cinco brancos e nulos.

Coronel disputou o cargo sozinho, após Nilo renunciar e o deputado Luiz Augusto (PP) declinar da candidatura para apoiar o pessedista, em um acordo firmado pelos dois parlamentares no ano passado.

O novo presidente da AL-BA, que irá administrar no biênio 2017/2018, reafirmou, antes do pleito, o compromisso de campanha de pôr fim à reeleição e apresentar a proposta à Casa ainda este mês.

Briga – A vitória de Coronel simbolizou, para a oposição, uma vitória do grupo liderado pelo prefeito ACM Neto (DEM). Nesta quarta, o gestor soteropolitano fez questão de divulgar nota e ostentar a sua “conquista” e imputar a derrota ao governador Rui Costa (PT), que apoiava, nos bastidores, Marcelo Nilo.

Confira a Mesa Diretora eleita com a respectiva votação de capa membro:

Presidente – Ângelo Coronel (PSD) – 57 votos
1º vice-presidente – Luiz Augusto (PP) – 54 votos
2º vice-presidente – Carlos Geilson (PSDB) – 57 votos
3º vice-presidente – Alex Lima (PDT) – 34 votos
4º vice-presidente – Manassés (PSL) – 50 votos
1º secretário – Sandro Régis (DEM) – 55 votos
2º secretário – Aderbal Caldas (PP) – 52 votos
3º secretário – Fabrício Falcão (PCdoB) – 50 votos
4º secretário – Luciano Simões Filho (PMDB) – 52 votos
Suplentes: Augusto Castro (PSDB), Heber Santana (PSC), Carlos Ubaldino (PSL), Fabíola Mansur (PSB) e Ivana Bastos (PSD).

Fonte: bahia.ba

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje