Brasil Kirin reverte prejuízo, encerra 2016 com lucro líquido de R$ 271 milhões e volta a crescer

 

A companhia registrou aumento significativo em volume de vendas, apesar da retração do mercado de bebidas. Reflexo de melhorias operacionais e do reposicionamento das marcas

Mesmo com o cenário econômico desafiador e a retração do mercado de bebidas, a Brasil Kirin encerrou 2016 com conquistas expressivas. A companhia reverteu o prejuízo de 2015 em um lucro líquido de R$ 271 milhões, com lucro operacional de R$ 352 milhões. O EBITDA (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização, na sigla em inglês) alcançou um resultado de R$ 596 milhões versus um número negativo de R$ 161 milhões no ano anterior. Enquanto o setor registrou queda de 4,8% na produção de cervejas e 9,0% em refrigerantes, segundo Nielsen, a Brasil Kirin cresceu 3,5% em volume de vendas, sendo 1,3% em cervejas e 7,4% em refrigerantes. Como consequência, a Receita Bruta de Vendas saltou para R$ 7,3 bilhões em 2016, um aumento de quase 10% em relação a 2015. A receita líquida totalizou R$ 3,7 bilhões, 5,5% superior a do ano anterior.

“Os bons resultados em vendas e em ganho de mercado reforçam que acertamos em nossa estratégia de revisão de portfólio e de reposicionamento das marcas”, comenta André Salles, Presidente da Brasil Kirin. Em 2016, a companhia apresentou uma nova cerveja Devassa, com líquido puro malte, embalagem premium e excelente custo benefício. Como resultado, Devassa registrou um crescimento de duplo dígito, apesar do recuo do setor.

Tendo como um de seus objetivos a “premiunização” e o acesso a diferentes estilos de cervejas, a Brasil Kirin apostou na ampliação da sua distribuição e também na variedade de embalagens e ocasiões de consumo. A Eisenbahn Pilsen, por exemplo, ganhou versões de 600 ml e latasleek texturizada 350ml. Como resultado, as cervejas especiais do portfólio – Eisenbahn, Baden Baden e Kirin Ichiban – cresceram triplo dígito em 2016.

Outro destaque do portfólio foi Itubaína. A bebida cresceu duplo dígito, se consolidando como a terceira principal marca de refrigerante em São Paulo – maior mercado do país. Os refrigerantes Viva Schin, com o posicionamento voltado para o consumo em família, também registraram mid-single dígito de crescimento de volume de vendas em comparação a 2015.

Além dos bons números em vendas, a disciplina financeira e a gestão de custos contribuíram para o resultado positivo da companhia em 2016. Iniciativas com foco em eficiência operacional, por exemplo, resultaram na redução superior a R$ 283milhões em custos. “Crescemos em volume e faturamento, em plena recessão da economia, o que só nos fortalece para os desafios que ainda estão por vir”, destaca André Salles.

Para 2017, a Brasil Kirin dará continuidade ao seu plano de negócios e confirma suas prioridades visando a melhoria contínua de desempenho. O trabalho de consolidação das marcas e sua posição como empresa de bebidas com amplo portfólio se mantém para o ano, seguindo também com forte estratégia regional, ampliando a distribuição de produtos, fortalecendo parcerias e focando a eficiência organizacional.

Sobre a Brasil Kirin

A Brasil Kirin, uma empresa que produz bebidas que dão prazer e alegria, acredita que há muito mais num líquido do que apenas seu consumo. Por isso faz um convite a todos que acreditam e querem mais da vida: “Viva Sua Sede”. Com este slogan, a empresa abraça desafios, sonhos e desejos das pessoas para as suas vidas.

Para atender as diferentes sedes, a Brasil Kirin conta com um amplo portfólio de bebidas que inclui cervejas, refrigerantes, sucos, energéticos e águas das marcas como Schin, Devassa, Baden Baden, Eisenbahn, Kirin Ichiban, Água Schin, Energético K, Viva Schin e Itubaína.A empresa é subsidiária do grupo global Kirin Holdings Company, uma das maiores empresas de bebidas do mundo com mais de 46 mil funcionários, 270 empresas e presença em 15 países. No Brasil, conta com 12 fábricas em 10 estados e mais de 11 mil funcionários. A distribuição dos produtos é feita por 20 centros próprios e cerca de 200 revendas para 600 mil pontos de venda no País.

Atualmente, a Brasil Kirin está entre as Melhores Empresas para Trabalhar, segundo a revista Época / GPTW (GreatPlaceto Work®) e também pelo ranking da Revista Você S/A, ambas em 2014, 2015 e 2016. Em sustentabilidade, foi considerada destaque em Governança Corporativa pelo Guia Exame 2014, além de estar entre as empresas mais sustentáveis do país desde 2013.

Fonte: Assessoria de imprensa Brasil Kirin

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje