Vaccari, o homem do ‘pixuleco’, controla distribuição de comida na cadeia

Notável por ironizar os valores que – segundo o Ministério Público Federal – partilhava com os correligionários, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, agora dá uma de leão de chácara na cadeia. Na cela que divide com outros presos em Curitiba-PR, ele comanda a distribuição das refeições e, segundo a coluna Radar, o faz com mão de ferro.

Para receber a comida, o detento tem que rezar conforme a cartilha do homem do “pixuleco”. Precisa estar em determinada posição e a certa distância da porta da cela. Quem infringir as regras é repreendido e até ameaçado de ficar sem o alimento.

O ex-tesoureiro do PT está preso desde 2015 e é réu em pelo menos três processos na Lava Jato. Entre outros crimes, ele responde por corrupção passiva.

Fonte: bahia.ba

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje