Prefeitos de Candeias, Madre e São Francisco são indiciados pela PF

sargento-francisco-evandro-almeida-jeferson-andrade-fotos-mateus-pereira-govba-setur-montagem-bahiaba

Os prefeitos de Candeias, Sargento Francisco (PSD), Madre de Deus, Jeferson Andrade (DEM), e de São Francisco do Conde, Evandro Almeida (PP), foram indiciados pela Polícia Federal por integrar o esquema desvendado pela Operação Copérnico, nesta sexta-feira (22).

De acordo com a delegada Luciana Matutino, coordenadora da força-tarefa, os gestores eram participantes e coniventes com as fraudes em contratos de saúde firmados sob a liderança do Instituto Médico Cardiológico da Bahia (ICMBA), que teve o seu proprietário, Nicolau Emanoel Marques Martins Júnior, preso.

“Além do empresário, os prefeitos vão responder por coautoria em fraude em licitação, por participar de organização criminosa, por corrupção e superfaturamento. Já foram indiciados os prefeitos onde há laudo técnico da Polícia Federal comprovando fraude”, afirmou a delegada, ao citar os três municípios.

Os políticos foram alvos de mandados de condução coercitiva e foram levados à sede da PF em Salvador para prestar esclarecimentos. O gestor de São Francisco responderá ainda por posse ilegal de armas.

Um dos alvos dos trabalhos dos agentes, o Hospital Municipal de Candeias passará a ser administrado pelo governo do Estado, por determinação da 12ª Vara Cível.

Fonte: bahia.ba

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje