Polícia Federal na Bahia deflagra a Operação Águia de Haia

PF

A Superintendência da Polícia Federal na Bahia deflagra hoje a Operação Águia de Haia, cumprindo 96 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de prisão preventiva, nos Estados da Bahia, Minas Gerais, São Paulo e Distrito Federal. A Operação Águia de Haia visa desarticular Organização Criminosa que forjava licitações, em conluio com agentes públicos e mediante o pagamento de propina, e desviava recursos federais do FUNDEB (verbas para educação).

Os criminosos vêm atuando desde, pelo menos, 2009, tendo iniciado suas atividades no Estado de São Paulo, migrado para Minas Gerais e, em 2010, estabelecido sua base principal de atuação na Bahia. A investigação já verificou a atuação da Organização Criminosa, entre os anos de 2010 a 2014, em dezoito municípios do Estado da Bahia, um em Minas Gerais e um em São Paulo.

Considerando apenas os dezoito municípios baianos, em que já existe prova da atuação da Organização Criminosa, o montante de verbas públicas desviado já atinge a quantia de 57.173.900,00 (cinquenta e sete milhões, cento e setenta e três mil e novecentos reais).

Os responsáveis pelas fraudes serão indiciados por crimes licitatórios, corrupção ativa e passiva e formação de quadrilha, entre outros delitos. Participam da referida operação cerca de 450 policiais federais.

Haverá entrevista coletiva no auditório da SR/DPF/BA, às 11 horas.

Fonte: Serviço de Comunicação Social Polícia Federal – Superintendência Regional na Bahia

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje