Joseildo homenageia Alagoinhas pelos 160 anos de emancipação política

Ex-prefeito do município por dois mandatos, o deputado Joseildo Ramos (PT) homenageou a cidade de Alagoinhas na Assembleia Legislativa da Bahia. O parlamentar protocolou uma moção de aplausos pelos 160 anos de emancipação política, que serão comemorados nesta terça-feira, 2 de julho, mesma data da independência da Bahia. Em sua mensagem, Joseildo ressalta a importância de Alagoinhas no cenário estadual, “com sua significativa extensão territorial e amplitude populacional, além de exercer relevante função de centro urbano comercial, industrial e de serviços”.

O deputado destaca ainda localização privilegiada de Alagoinhas, maior entroncamento ferroviário do Norte/Nordeste, além de seu papel de Pólo regional dos municípios do Litoral Norte/Agreste baiano. No texto da moção, Joseildo relembra algumas conquistas para o município, fruto do seu trabalho de parlamentar, como a construção da rodovia Alagoinhas / Linha Verde, a implantação do IFBAIANO, a entrega de tratores e implementos agrícolas para o produtor rural, além dos investimentos em segurança pública. Recentemente, o governo estadual anunciou investimentos de R$ 4 milhões do Pacto Pela Vida para Alagoinhas. As medidas foram reivindicadas pelo deputado e vão garantir a criação de uma Companhia Independente da Polícia Militar, um Centro Integrado e uma Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM). Na área de saúde, Joseildo destaca a implantação do setor de Neurocirurgia no Hospital Regional Dantas Bião, confirmada para o mês de agosto pelo secretário estadual de Saúde, Jorge Solla.

Ferrovia – A cidade que na segunda metade do século XIX teve sua história marcada pela implantação da Estrada de Ferro, ligando a capital Salvador ao vale do Rio São Francisco, em Juazeiro, deverá lutar pela revitalização do seu traçado. Joseildo vai organizar, com apoio da bancada do PT na Assembleia, uma audiência pública para debater a necessidade de o governo federal rediscutir o traçado da nova ferrovia que pode ligar Pernambuco ao estado da Bahia. Ainda em fase de estudos, a obra atenderia ao transporte de cargas e passageiros, ligando Parnamirim (PE) ao município de Feira de Santana (BA), cortando a divisa dos dois estados. Pelo traçado proposto de 580 km, a obra não aproveitaria o traçado da ferrovia já existente.

Fonte: Assessoria de Imprensa

JOSEILDO 2 DE JULHO

 

 

Maurílio Fontes

Proprietário, jornalista, diretor e responsável pelo Portal Alagoinhas Hoje